Polícia é acionada e festas de ‘folia clandestina’ acabam em confusão

Testemunhas disseram que o bloco estava cancelado, mesmo assim, os foliões combinaram de se reunir
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

 

A CNN obteve imagens de festas clandestinas que aconteceram em cidades da Baixada Fluminense entre a noite de quinta-feira (11) e madrugada desta sexta-feira (12). Em Magé, as comemorações começaram com muita aglomeração e desrespeito aos protocolos de enfrentamento à pandemia. Já na cidade de Nova Iguaçu, a Polícia Militar (PM) precisou agir rápido para dispersar um bloco de Carnaval que não tinha autorização para acontecer.
Testemunhas disseram que o bloco estava cancelado, mesmo assim, os foliões combinaram de se reunir. Os bares que não concordaram em ser ponto de encontro fecharam para evitar confusão. Pessoas fantasiadas correram logo após a chegada da polícia. Para conter a aglomeração os militares usaram gás lacrimogêneo.

A prefeitura de Nova Iguaçu informou em nota que irá fiscalizar e coibir as festividades durante os dias do feriado de Carnaval. De sábado (13) até quarta-feira (17), agentes da Superintendência de Controle Urbano de Nova Iguaçu, órgão ligado à Secretaria Municipal de Segurança, estarão nas ruas para orientar e intervir em festas e blocos, com intuito de evitar aglomerações neste momento de pandemia.
A prefeitura de Nova Iguaçu disse que nenhuma atividade festiva em locais públicos foi autorizada e a população pode denunciar casos de festas de rua e aglomerações através do número 190 da Polícia Militar. Só nesta semana, a prefeitura já cancelou dois eventos clandestinos programados para o dia 14 de fevereiro, um em Austin e outro no Centro de Nova Iguaçu.
A CNN pediu nota para a Polícia Militar sobre a dispersão do bloco clandestino em Nova Iguaçu e aguarda o posicionamento.
FONTE: RONDONIAOVIVO

Deixe um comentário

No data was found
No data was found
No data was found
%d blogueiros gostam disto: