Filme proibido por Xuxa será exibido pela 1ª vez na TV

Produção será exibida no Canal Brasil Circulação foi barrada pela Justiça Apresentadora desistiu impedir exibição
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Depois de anos fora de circulação, o filme “Amor Estranho Amor” será exibido pela 1ª vez na TV na madrugada da próxima 6ª feira (12.fev.2021), em uma sessão no Canal Brasil, do Grupo Globo.

O filme, dirigido por Walter Hugo Khouri, é estrelado por Xuxa Meneghel e foi lançado em 1982. Teve sua reprodução vetada anos depois por decisões da Justiça a favor de Xuxa, que pediu a proibição da circulação da produção audiovisual.

Xuxa, hoje com 57, à época tinha 18 anos e encenou uma prostituta que se envolveu com um menino de 12 anos. O filme causou um mal-estar para a apresentadora que passou a ser conhecida como a “Rainha dos baixinhos” por comandar programas infantis.

Apesar da antiga batalha judicial, Xuxa, segundo a sua assessoria, desistiu do bloqueio em 2018. Desde então, ela tem falado abertamente sobre o filme em entrevistas.

Em uma entrevista ao UOL, em julho do ano passado, ela não só comentou o filme como também incentivou as pessoas a assistirem a produção.

“Quem não viu, veja o filme. É um filme muito legal. Aquilo lá é uma ficção, não é a minha biografia. E no mundo que a gente está vivendo, as pessoas querem me atingir falando sobre o filme, e não me atingem, porque aquilo lá é uma ficção”, disse Xuxa.

 

“Não gosta de mim, não tem problema. Querem me chamar de garota de programa, querem me chamar de pedófila por um filme que eu fiz quando tinha 18 anos, chamem. Aliás, gostaria que todo mundo visse o filme, é muito bom”, completou.

“Amor Estranho Amor” será exibido na madrugada da próxima 6ª feira (12.fev.2021), à 00h30, em uma mostra do Canal Brasil em homenagem ao diretor Walter Hugo Khouri.

O elenco conta ainda com atores brasileiros conhecidos como Tarcísio Meira, Vera Fischer e Mauro Mendonça.

JANAINA PASCHOAL CRITICA

A advogada e deputada estadual Janaina Paschoal (PSL-SP) criticou neste domingo (7.fev.2021), por meio do Twitter, a exibição do filme. Segundo ela, apesar de Xuxa ter desistido de barrar a circulação da produção audiovisual, o filme exibe uma cena de sexo da personagem com um menino de 12 anos e a reprodução descumpre artigo do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

“Muito embora, hoje, o menino do filme já esteja adulto, é preciso lembrar que o ECA, em seu artigo 241, veda a exibição de material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes, sendo certo que até mesmo simular é proibido! A imagem do vulnerável precisa ser preservada”, disse.

“Impedir a veiculação desse filme não tem nada a ver com os direitos de Xuxa, nem com censura, tem a ver com o cumprimento do ECA! Ou alguém pensa que só meninas merecem ser protegidas? Meninos também têm direito à proteção! Muito triste!”, completou.

 

 

 

FONTE: PODER360

Deixe um comentário

Lat. 03 cpu, live
lat02-gif papo livre
No data was found
%d blogueiros gostam disto: