Vacinação de pessoas com comorbidades e trabalhadores de creche encerra sábado (12)

Atendimento de trabalhadores da saúde só continuará após a chegada de mais doses de imunizantes
Facebook
WhatsApp
Twitter
A Secretaria Municipal de Saúde de Porto Velho anunciou que as pessoas portadoras de comorbidades previstas no Plano Nacional de Imunização (PNI), com mais de 18 anos, devem receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19 até sábado (12). A partir da próxima semana, novos grupos serão atendidos.
Pessoas com comorbidades, renais crônicos, Síndrome de Down, gestantes e puérperas com e sem comorbidades, e pessoas com deficiência permanente com idade superior a 18 anos, que ainda não receberam o imunizante, devem baixar o aplicativo SASI e fazer o cadastro para receber a vacina.
Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), a comprovação da comorbidade é obrigatória e deve ser feita no ato da vacina. Por isso, é necessário ter em mãos receitas, relatório médico, prescrição médica, laudo, ou outros documentos comprobatórios. É preciso levar o documento original e uma cópia, que será retida pelos profissionais vacinadores.
Segundo a secretária-adjunta da Semusa, Marilene Penati, o prazo para concluir a imunização do grupo de pessoas com comorbidade foi definido em reunião da Comissão de Imunização e se deu em virtude da secretaria ter imunizado 130% do total estipulado pelo Ministério da Saúde. Até o momento, 23.300 pessoas com doenças pré-existentes tomaram a primeira dose da vacina.
Outro pronto apontado pela comissão para o encerramento do atendimento a pessoas com comorbidades é a necessidade de ampliar a imunização para novos grupos prioritários, como os trabalhadores da educação do ensino fundamental, médio, superior e profissionalizante.
“Iniciamos a vacinação de pessoas com comorbidade no dia sete de maio e já atingimos todas as idades, conforme preconizado no Plano Nacional. Precisamos dar andamento na imunização, pois há outros grupos esperando a vacina. Quem ainda não se vacinou e se enquadra nos critérios deve procurar os pontos urgentemente”, argumentou Marilene Penati.
GRUPOS
Nesta quinta-feira (10), a Semusa inicia a vacinação de trabalhadores da educação que atuam na pré-escola e ensino fundamental. Para receber o imunizante é necessário efetivar o cadastro no aplicativo SASI.
No momento da vacinação é obrigatório apresentar documento que comprove o vínculo com a instituição de ensino com preferência ao contracheque, onde apareçam os dados do local de trabalho.
Trabalhadores portuários e aeroportuários também estão sendo atendidos com a vacina contra a Covid-19. Este trabalho, iniciado na última semana, é realizado pelas equipes itinerantes mediante relações nominais encaminhadas pelo aeroporto e portos de Porto Velho.
IDOSOS
A vacinação de idosos com mais de 60 anos continua aberta e sem a necessidade de agendamento. Quem ainda não tomou a primeira dose ou já pode receber a segunda dose, deve procurar o Campus I da Faculdade Uniron, das 9h às 16h com os documentos pessoais em mãos.
A imunização de trabalhadores da saúde continua suspensa em Porto Velho. O município aguarda que o Ministério da Saúde encaminhe doses especificamente para este público, o que não tem ocorrido.

Deixe um comentário

Imaral – lateral 01 – CPU
Smart Andrade – lat 02 – CPU
IMARAL – Laterall 03 – GIF – ANIVERSARIO
%d blogueiros gostam disto: