Suspeito de usar cachaça para atear fogo na esposa é preso por feminicídio em Chupinguaia, RO

Suspeito de usar cachaça para atear fogo na esposa é preso por feminicídio em Chupinguaia, RO
Facebook
WhatsApp
Twitter

Fonte: G1

 

O principal suspeito de usar cachaça para atear fogo e matar a própria esposa, Solange Evangelista, foi preso em Chupinguaia (RO) após uma denúncia anônima. O crime ocorreu no fim de janeiro e Edmilson Alves Pereira ficou foragido por duas semanas.

Segundo informações da Polícia Militar, na quinta-feira (8) os militares receberam informações de que o suspeito do feminicídio estava em um veículo vermelho, próximo a uma aldeia indígena em Chupinguaia, a 144 quilômetros de Vilhena.

Os agentes se deslocaram até o endereço e localizaram Edmilson. O homem foi detido e encaminhado à Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) de Vilhena, onde deve responder por feminicídio.

Entenda o caso

 

Solange Evangelista, de 38 anos, foi agredida e teve o corpo incendiado na cidade de Chupinguaia (RO) em janeiro. A mulher morreu a caminho do hospital.

Deixe um comentário

famacia da farmilia anigif
Sequência 01_1
390eb22f-9320-48b4-a41f-6e816a9e61a4
13anos-interativafm-feed (1)