Pessoas surdas com mais de 45 anos começam a receber vacina contra a Covid em Porto Velho

Imunização acontece nesta segunda-feira (24), em sala especial com intérpretes de Libras. Não é necessário agendamento no App Sasi para este grupo.
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Pessoas surdas, moradoras de Porto Velho, com 45 anos ou mais, podem receber a 1ª dose da vacina contra a Covid-19 nesta segunda-feira (24). Uma sala especial com intérpretes de Língua Brasileira de Sinais (Libras) foi feita para facilitar a vacinação.

Técnica de enfermagem Zeni Silva é interprete de libras e vai atuar durante o atendimento — Foto: Divulgação/Prefeitura de Porto Velho

Técnica de enfermagem Zeni Silva é interprete de libras e vai atuar durante o atendimento — Foto: Divulgação/Prefeitura de Porto Velho

A vacinação acontece no Campus 1 da faculdade Uniron, das 9h às 16h. Para receber a vacina é necessário apresentar documento com foto, CPF e cartão do SUS. O agendamento pelo App Sasi não é necessário para este grupo.

Vale ressaltar que surdez e deficiência auditiva são comorbidades diferentes. Em entrevista ao G1, a fonoaudióloga Marcela Faulstich explica que a surdez é a impossibilidade total de ouvir e a deficiência auditiva é a perda em graus da audição.

“Assim como a perda visual, em que você pode perder graus de visão, perdem-se graus de audição, e nesse caso, nós não consideramos surdez, consideramos como deficiência auditiva ou perda auditiva, que pode ser em grau leve, moderado, severo, e até profundo”, afirma a fonoaudióloga.

Segundo o censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Porto Velho possui cerca de 8 mil pessoas surdas ou com deficiências auditivas.

*Estagiária sob supervisão de Thaís Nauara.

Fonte: G1

Deixe um comentário

CPU, LATERAL, ANUNCIE AQUI
No data was found
No data was found
%d blogueiros gostam disto: