Justiça manda bloquear 30% do salário do prefeito de Ji-Paraná, RO

O prefeito Isaú Fonseca não quis se pronunciar a respeito.
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

O prefeito de Ji-Paraná (RO), Isaú Fonseca (MDB) terá parte do salário bloqueado. A decisão foi confirmada pelo Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO) nesta quarta-feira (17).

Na determinação consta que o bloqueio será de 30% do salário mediante um processo ajuizado em 2009, onde Isaú foi condenado por danos morais contra uma médica perita.

O juiz, Marcos Alberto Oldakowsky, da 5ª Vara Cível de Ji-Paraná, estabelece que o salário do parlamentar será debitado até a quitação total de R$ 77.247,24.

Procurado pelo G1, o prefeito respondeu que prefere não se pronunciar sobre o caso no momento.

Isaú Fonseca prefeito de Ji-Paraná — Foto: Facebook/Reprodução

Isaú Fonseca prefeito de Ji-Paraná — Foto: Facebook/Reprodução

Isaú já havia sido condenado anteriormente por improbidade administrativa quando era vereador. Em 2015 ele teve os direitos políticos suspensos ao “se utilizar do erário do município de Ji-Paraná para promoção pessoal em campanha eleitoral”, segundo o TJ-RO.

Na época ele foi acusado de criar um programa social de pavimentação de ruas visando a sua reeleição. A 1ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça informou que haviam fortes indícios que o acusado, em reunião com moradores, se apresentava aos eleitores como o responsável pela execução das obras, sendo que os insumos, como bloquetes e maquinários, eram custeados pela Prefeitura de Ji-Paraná.

FONTE: G1 

Deixe um comentário

CPU Lateral, Dias das Crianças
No data was found
No data was found
%d blogueiros gostam disto: