Deputado Lazinho da Fetagro lamenta falecimento de ex-prefeito de São Francisco do Guaporé, José Elias Ramos dos Santos

Parlamentar também destacou o Dia do Trabalhador Rural, celebrado neste 25 de maio – “categoria sofrida”
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Na sessão desta terça-feira (25), o deputado Lazinho da Fetagro (PT), de forma remota, iniciou seu pronunciamento lamentando o falecimento do senhor José Elias Ramos dos Santos, ocorrido no último dia 20 de maio. Segundo o deputado, o amigo pessoal era mais conhecido como Zé Polaco, foi vice-prefeito de São Francisco do Guaporé e uma grande liderança de comunidades de base.

“Com certeza o Zé Polaco está junto de Deus.  Ele foi um homem honesto, trabalhador, que tinha alegria e satisfação em ajudar o próximo. Nos assessorou em nosso primeiro mandato, no primeiro ano do meu atual mandato e parte do segundo ano também. Não poderia deixar de externar aqui, meus sinceros sentimentos à toda a família, minha solidariedade, meu respeito e carinho por toda sua família. Fica aqui registrada, minha eterna admiração pelo amigo que nos deixa”, declarou Lazinho da Fetagro.

Outro destaque comentado pelo parlamentar foi o Dia do Trabalhador Rural, celebrado neste 25 de maio. Segundo Lazinho, trata-se de uma data em que o Brasil homenageia uma das categorias mais sofridas e menos favorecidas, porém, “de uma importância enorme para o país”.

“E me refiro tanto ao empregado como ao pequeno produtor que trabalha em sua propriedade no campo. Um abraço a todos vocês. Estendo minha atuação como parlamentar, o meu mandato a essa categoria de trabalhadores e trabalhadoras rurais, que muito contribuem com a economia do nosso estado”, enfatizou o deputado.

Por último, o parlamentar disse ser solidário ao pronunciamento do deputado Ismael Crispin (PSB), que criticou a situação da saúde pública em Rondônia, no caso, a questão das cirurgias eletivas, paralisadas desde o início da pandemia, em março de 2020.

“Realmente estamos com problemas graves na saúde, principalmente quando o assunto é referente às cirurgias eletivas. Conversei com alguns deputados, com o secretário da Saúde do Estado e, sem dúvida, alguma coisa precisa ser feita, urgente. Ver uma pessoa com fratura exposta, aguardando há 12 dias, insumos para que a cirurgia seja feita é um absurdo. Aliás, são os médicos que afirmam isso, que as cirurgias não são realizadas por falta de material. Espero que, o mais rápido possível, nosso Governo tome as devidas providências para sanar esse problema, afinal, nossa população não suporta”, encerrou o deputado.

 

Texto: Juliana Martins-ALE/RO – Foto: Assessoria

Deixe um comentário

CPU, LATERAL, ANUNCIE AQUI
No data was found
No data was found
%d blogueiros gostam disto: