Capitais suspendem ou restringem vacinação por falta de doses; veja lista

Salvador, Cuiabá, Campo Grande, Rio, Curitiba, Fortaleza, Florianópolis, Macapá, São Luís e Boa Vista interromperam aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 total ou parcialmente.
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

A falta de doses de vacina contra o Covid-19 tem levado capitais brasileiras a suspender ou restringir a imunização da população –ou a anunciar a paralisação para os próximos dias.

Veja capitais em que a vacinação contra Covid-19 foi suspensa por falta de doses — Foto: Arte-G1

Veja capitais em que a vacinação contra Covid-19 foi suspensa por falta de doses — Foto: Arte-G1

SalvadorCampo GrandeRioCuritibaBoa Vista e Fortaleza interromperam a aplicação da primeira dose da vacina contra Covid-19. Nessas cidades, a segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira dose, seguindo recomendação do Ministério da Saúde.

Já CuiabáMacapáSão Luís e Florianópolis seguem a aplicação da primeira dose, mas para grupos mais restritos do que os definidos nos cronogramas originais (leia mais abaixo).

Na sexta (19), o Ministério da Saúde informou que decidiu mudar a estratégia da vacinação contra a Covid-19 para as novas doses da vacina, liberando o uso de todo o estoque sem a necessidade de reserva para a aplicação das segundas doses. Apesar da mudança no plano, a reportagem do G1 apurou que, até sábado (22), nenhuma das capitais em que a aplicação da primeira dose de vacina foi suspensa por falta de imunizante passou a usar as vacinas reservadas para a segunda etapa.

Na quarta (17), governadores se reuniram virtualmente com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Na audiência, Pazuello disse que 230 milhões de doses de vacinas contra Covid-19 serão entregues aos estados até 31 de julho.

Questionado sobre as declarações das entidades, o Ministério da Saúde disse que tem trabalhado, junto com seus “dirigentes e corpo técnico”, “diuturnamente para dar a melhor resposta à sociedade”.

Capitais que suspenderam totalmente a aplicação da 1ª dose:

 

 

Capitais que restringiram a aplicação da 1ª dose:

 

 

Capitais que informaram ter poucas doses de vacina:

 

  • Porto Alegre: chegou a anunciar a suspensão da vacinação, que estava prevista para quinta (18); na sexta (19), o secretário de Saúde do município, Mauro Sparta, afirmou que restam 3 mil doses. Segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira.

 

 

 

Fonte: G1

Deixe um comentário

Lat. 03 cpu, live
lat02-gif papo livre
No data was found
%d blogueiros gostam disto: