14 de fevereiro – Dia de São Valentim

História de São Valentim
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Dia de São Valentim é comemorado anualmente em 14 de fevereiro em diversos países do mundo, tais como Argentina, Espanha, Portugal, França, etc.

Também conhecido como o Dia dos Namorados ou Valentine’s Day, esta é uma data especial celebrada por casais de várias partes do planeta, onde se comemora o amor e a união das pessoas que se amam.

Este dia foi escolhido por ser a data em que um bispo da Igreja Católica, chamado Valentim, foi morto em Roma pelo fato de ter desobedecido o imperador realizando casamentos às escondidas.

Curiosamente, os brasileiros não têm o costume de celebrar o Dia de São Valentim, pois esta é uma tradição dos países anglo-saxões, que não encontrou muita acolhida por aqui.

No Brasil, o Dia dos Namorados é comemorado no dia 12 de junho, véspera de Santo Antônio, popularmente conhecido como santo casamenteiro.

Veja também: Dia dos Namorados.

São Valentim

História de São Valentim

A História conta que existem dois mártires com o nome de Valentim. Um deles, nasceu em 175, perto de Roma, onde foi consagrado bispo. Naquela época, Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras, pois acreditava que os solteiros eram melhores combatentes.

Valentim continuou celebrando casamentos mesmo com as proibições. Mais tarde, foi descoberto, preso e condenado à morte, porém, enquanto estava preso, muitos jovens ofereciam-lhe flores e bilhetes dizendo que ainda acreditavam no amor.

Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão.

Origem do Dia de São Valentim

A Igreja Católica decretou o Dia de São Valentim como Dia dos Namorados ainda durante o século V, com o intuito de incentivar os casais que pretendiam seguir com o matrimônio como uma forma “legítima” de constituir uma família.

A intenção da Igreja era substituir o tradicional festival romano Lupercalia – que consistia na veneração da deusa da fertilidade, e marcava o início da Primavera – pelo Dia de São Valentim. Assim, aos poucos, os povos da Europa começaram a substituir a celebração profana pelo dia do santo.

No entanto, no final do século XVIII a Igreja Católica retirou o Dia de São Valentim do calendário religioso, visto que não existiam provas históricas concretas da existência do santo. Apesar disso, a data permaneceu como uma celebração popular.

Atualmente, os restos mortais de São Valentim repousam na igreja de Santo Antão, em Madrid.

Dia de São Valentim nos Estados Unidos

Nos Estados Unidos, o Dia de São Valentim é comemorado como se fosse o Dia dos Namorados no Brasil.

Desta maneira, na época dessa comemoração, é comum ver as lojas decoradas com temas românticos. Nesse dia, os casais saem para jantar, trocam presentes, cartões e declaram seu amor um pelo outro.

É uma data sugestiva para pedidos de casamentos, e uma ocasião que não deixa nem as crianças menores de fora, uma vez que elas também comemoram a data na escola fazendo cartões e os trocando com os colegas da sala, juntamente com doces.

 

 

Fonte: calendário

Deixe um comentário

CPU Lateral, Dias das Crianças
No data was found
No data was found
%d blogueiros gostam disto: